plugin de segurança

Escrito por Lucas Adiers Stefanello

avatar

Conheça os 5 melhores plugins de segurança para o WordPress

O WordPress é uma das plataformas mais utilizadas atualmente para a publicação de blogs e sites. De acordo com estatísticas, 17 posts são publicados a cada segundo via WordPress em todo o mundo. Outro dado impressionante é que cerca de 19.500.000 sites em toda a web já utilizam o WordPress. Tudo isso se deve à praticidade e às diversas vantagens oferecidas pela plataforma. No entanto, junto a essa popularidade, aumentam também os riscos relacionados à segurança dos canais desenvolvidos via WordPress.

De fato, um levantamento aponta que o WordPress é, atualmente, o CMS (Content Management System, ou Sistema de Gerenciamento de Conteúdo) mais hackeado.

Para que seu website não faça parte de estatísticas como essa, confira, neste artigo, 5 plugins de segurança para WordPress, além de dicas extras para proteger o seu canal digital. Acompanhe a seguir.

5 plugins de segurança importantes para o WordPress

1. WordFence

Trata-se de um dos plugins de segurança para WordPress mais populares e com melhor avaliação por seus usuários, obtendo classificação de 4,9/5,0. O WordFence torna-se atrativo por disponibilizar, em uma única solução, anti-vírus e firewall.

Ele contempla segurança de login, bloqueio de IP, varredura de segurança, firewall e monitoramento do WordPress, realizando uma varredura profunda no servidor.

O plugin conta, ainda, com uma versão premium, que traz funcionalidades adicionais como bloqueio de país e autenticação em dois passos.

2. Jetpack

Outro plugin de segurança para WordPress bastante popular devido às suas funcionalidades. O recurso apresenta módulos com diferentes funções. Entre seus atrativos estão o bloqueio de atividades suspeitas, a proteção contra ataques de força bruta, o monitoramento de tempo de inatividade, entre outros.

3. iThemes Security

Este é um plugin de segurança para WordPress que divulga oferecer mais de 30 maneiras de proteger seu website em WordPress contra ataques.

Ele atua fortalecendo as credenciais de acesso, bloqueando tentativas de acesso incorretas, registrando logs de usuários, forçando o uso de senhas seguras para funções específicas e permissões de arquivos, verificando brechas comuns para interromper ataques automatizados, corrigindo vulnerabilidades comuns e ataques automatizados. Também conta com uma versão premium.

4. Sucuri Security

Plugin gratuito disponibilizado no repositório do WordPress. Ele controla toda a atividade em seu website e conta com diversos recursos de segurança, tais como varredura de malware, auditoria de atividade de segurança, anomalias de código que requeiram atenção especial, monitoramento de integridade de arquivos e um firewall.

O plugin oferece, ainda, em sua versão paga, variações de certificados SSL, que são fundamentais para manter a segurança de seu canal.

5. All In One WP Security & Firewall

Outro plugin de segurança para WordPress bastante popular entre seus usuários. Ele ajuda a proteger seu canal, detectando códigos maliciosos, fazendo a verificação de vulnerabilidades e implementando as mais atuais medidas de proteção.

Uma funcionalidade interessante do plugin é um medidor que apresenta uma pontuação demonstrando qual é o nível de segurança de seu website e sugerindo recursos para aumentar sua pontuação e, portanto, proteger ainda mais seu canal.

Extra: dicas adicionais para manter seu site em WordPress seguro

Além de instalar plugins de segurança para WordPress, há outras ações que podem ser tomadas para proteger ainda mais seu canal.

Entre elas, destacam-se:

Mantenha o WordPress atualizado

É algo simples, mas que ajuda a garantir a proteção de seu website. As versões mais atualizadas podem trazer novos recursos de segurança. Já as versões mais antigas de qualquer CMS acabam ficando mais sujeitas a ações mal-intencionadas que atuam sobre falhas de segurança conhecidas.

Mantenha, também, os plugins e os temas atualizados

Aqui, os riscos envolvidos são como os expostos no item anterior: pessoas com más intenções buscam vulnerabilidades em recursos mais antigos e desatualizados.

Não utilize recursos pirateados

Esse tipo de solução para baixar custos, na verdade, pode custar caro. Isso porque temas e plugins pirateados podem apresentar códigos alterados, prontos para fazerem o roubo de seus dados e dos dados de seus clientes.

Tenha cuidados com suas senhas

Conforme levantamento, uma senha fraca é a razão de 8% dos casos de hackeamento de websites em WordPress. Assim, estabelecer senhas fortes é uma ação fundamental para garantir maior proteção. É importante, também, trocar suas senhas com frequência. Além disso, aumente a segurança fazendo uso de protocolos SSH, criptografia, etc., sobretudo em conexões FTP.

Utilize SSL para criptografar dados

Utilizar um certificado SSL (Secure Socket Layer) é uma ação importante para garantir a segurança de seu painel de administração. O SSL permite a transferência segura de dados entre os navegadores dos usuários e o servidor, dificultando invasões ou falsificações de seus dados.

E então, gostou de nossas dicas? Você já utiliza algum plugin de segurança para WordPress? Compartilhe sua experiência nos comentários!

suporte
evolutivo

Digite seus dados

Falar com um consultor

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.